Os usuários de Linux e Mac sempre zombaram dos que tinham Windows. O sistema operacional da Microsoft, por ser o mais popular do mundo, também é o que recebe maior quantidade de vírus, fraudes e ataques.

E os celulares? Sim, o Android é o sistema móvel mais usado, e também o que mais recebe ataques. Por isso, o Google lançou Play Protect, um antivírus que todos os computadores terão instalado em breve… sem ter que fazer nada. Com uma atualização do Google Play, a loja de aplicativos da plataforma, que será instalado e começará a funcionar.

Play Protect trabalha em segundo plano, verificando as aplicações que estão a baixar do Google Play. O programa também irá analisar o celular para detectar apps suspeitos que poderiam ser um vírus, malware ou outro software malicioso. Isso é ideal para checar se recebemos algum programa perigoso via WhatsApp, e-mail ou outra fonte.

O que faz Play Protect se encontre uma aplicação perigosa? A borra do dispositivo. O programa também permite navegar de forma segura no Chrome. Se acessar a um site “perigoso”, receberemos um aviso.

Função anti-roubo

O Google tem, desde há muito tempo, uma função chamada “Localizar meu telefone”, para colocá-lo em casos de roubo ou perda.

A mudança agora é que esta função estará integrada diretamente com o Android, para poder encontrá-lo ou ligar para o celular do seu navegador. Se perdemos -ou nos roubam – o telefone, podemos bloqueá-los, envie uma mensagem para a tela ou, se pensamos que não vamos recuperar, apagar todos os seus dados.

Leia também
#ElLaboratorioDeDexter: como recuperar um smartphone perdido.

Origem: tn.com.ar